Nimbi foca no mercado de Supply Chain Management para 2021

Plataforma movimentou nos últimos 5 anos mais de 170 bilhões de reais

São Paulo, março de 2021 – O mercado de Supply Chain Management será o principal segmento em que a Nimbi, empresa especializada em soluções de tecnologia, irá investir em 2021. Além do e-procurement, plataforma voltada para gestão dos processos da cadeia de suprimentos, as demais apostas são: Nimbi Conta, Transporta, Gestão de Fretes e o Nimbi Private.A plataforma de e-procurement transacionou, em 2019, mais de 41 bilhões de reais.

Em 2020, o número atingido foi de 55 bilhões de reais, representando um crescimento de 38%, mesmo em meio à pandemia. O produto atende organizações de diversos portes e segmentos com o foco de oferecer soluções que vão desde a homologação de fornecedores, até o follow-up de entregas e pedidos. Algumas empresas, como Ambev, Vale, 99 e Loggi já utilizam a tecnologia oferecida pela Nimbi. Para a sócia-diretora da empresa, Carolina Cabral, o crescimento foi exponencial em 2020. “Estamos em constante evolução para oferecer produtos que se complementam e auxiliam na gestão. Ofertamos, cada vez mais, soluções que consigam gerar maior praticidade, compliance, redução de custos e agilidade aos processos das empresas. Nós somos provedores de tecnologia e buscamos auxiliar diversos segmentos, dentro da cadeia de supply chain”, afirma Carolina.

Uma solução de grande aposta da companhia é o Nimbi Private, o marketplace privado de compras. A ferramenta permite que a empresa consiga obter um catálogo com produtos de diversas categorias, já negociados pela Nimbi, e de uso gratuito. Materiais de escritório, insumos de copa & cozinha, materiais impressos e limpeza, MRO e EPIs são algumas das categorias já negociadas e que entregam mais de 30 mil itens para os clientes. Além disso, a ferramenta permite gerar diversos pedidos de uma única vez e tem a experiência de compra de plataformas B2C. “Conseguimos oferecer um ganho médio entre 10% e 15% para as empresas que utilizam a solução, sem gerar nenhum custo para elas”, finaliza Cabral.

Outro produto lançado pela empresa foi a Nimbi Conta. A conta digital criada para os caminhoneiros, que pretende movimentar até o final de 2021 mais de R$ 1 bilhão de reais. A estratégia da companhia é de se fortalecer como o “Banco Digital do Caminhoneiro”, oferecendo a conta bancária para facilitar o dia a dia de recebimentos e pagamentos da categoria. “O mercado de transportes no Brasil buscava uma solução integrada entre a operação e o financeiro. Com a nossa iniciativa, a transportadora consegue realizar o pagamento e o motorista recebe com segurança pelo serviço prestado. Além disso, o caminhoneiro conta com a função de antecipação de recebíveis”, aponta a sócia-diretora da empresa, Carolina Cabral.

O Gestão de Fretes também é o produto que representou uma excelente fatia de crescimento para a empresa no ano passado. O objetivo é reunir em apenas uma plataforma todos os processos necessários para a realização de uma viagem, planejamento, negociação, emissão de documentos e pagamento. Para o transportador, um dos principais fatores positivos da solução é a redução de custos para a emissão do código identificador de operação de transporte (CIOT), além do planejamento eficiente das viagens e poder negociar com diversos motoristas ao mesmo tempo de forma automatizada. Já o motorista garante a segurança do recebimento via Nimbi Conta, e tem mais transparência na negociação dos fretes, com as tabelas de preço mínimo de frete da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), integrada ao aplicativo.

Além disso, a Nimbi também aposta no Transporta. A ferramenta realiza a gestão completa dos processos de logística dos embarcadores, desde o desenvolvimento de novas viagens até a entrega de mercadorias e produtos, reduzindo em até 30% os custos com operação logística e otimizando a gestão e controle das operações.

Sobre a Nimbi
A companhia especializada em soluções de tecnologia para o mercado de supply chain management, possui sede no Brasil e operações por diversos países, dentre eles, Argentina, Uruguai, Paraguai, Chile e México. Nos últimos 5 anos, a empresa já transacionou mais de 170 bilhões de reais em sua plataforma. A organização possui mais de 250 mil empresas cadastradas em seu marketplace. Além disso, Vale, Ambev, Leroy Merlin, Loggi, Faber Castell, Danone, Recicla BR, 99, CVC, dentre outras empresas, participam do portfólio da companhia.

Publicidade